Cura da Diabetes... Uma causa perdida??


Achei bacana a iniciativa de fazer uma blogagem coletiva sobre o tema. Mas pensar sobre a cura da Diabetes ainda é difícil.

Sou diabética tipo 1 há oito meses (contando a partir do diagnóstico oficial) e sequer me acostumei completamente com as injeções, com furar os dedos, com os exames frequentes.

Aceitei sim que tenho uma doença crônica incurável. Aceitei que tenho que me cuidar
diariamente para não sofrer as consequências. Mas vou ser sincera, ainda acho que atrapalha a minha vida sim. Ainda não me acostumei que TENHO que comer, que TENHO que tomar as injeções, que TENHO que medir a glicemia inúmeras vezes. Ainda não faz parte de mim, ainda quero que não exista. Mas existe!

É difícil pensar que não tem cura, que é pra sempre. A palavra "sempre" nesse sentido é ruim demais. Sempre tomar os mesmos cuidados, sempre, sempre, sempre.

É claro que eu desejo que a cura seja descoberta e acredito que será. Acho que alguns cientistas estão perto disso, mas acho que não vai acontecer tão cedo. Por que? Por vários motivos! Porque precisa de muito dinheiro, por pressão contrária da indústria farmacêutica, por falta de pressão da mídia e dos políticos, porque até terminarem todos os testes e enfim ela aparecer provavelmente muitos de nós não estaremos mais aqui.

Acredito que vários fatores vão contra a descoberta, mas creio nos a favor também. Tem muita gente que também vai ganhar dinheiro com a cura, tem gente que vai ficar famosa e ganhar prêmio com isso e tem muita gente que vai voltar a ter uma vida normal.

É, ainda não me acostumei com tudo isso. Mas prefiro não ficar me apegando com o fato de a cura chegar hoje, amanhã ou daqui 100 anos. Existe a insulina e graças a ela eu posso viver. A medicação tem evoluído, o que vem facilitando a vida de muitos de nós. Hoje temos insulinas melhores, seringas melhores, medidores melhores e a bomba de insulina! Estamos evoluindo sim!

Há gente contra a cura? Há, é claro. Dá para viver do jeito que é hoje? Dá! Hoje prefiro lutar pelos meus direitos de ter uma vida saudável, de ter acesso aos medicamentos que são muito caros, de viver.

Para mim, ninguém está escondendo uma cura que já existe. Não vejo teorias da conspiração. Prefiro acreditar que os bons são maioria, que Deus sabe o que faz e que sou mais forte do que imagino.

Eu posso viver e fico feliz por isso. E eu posso lutar com o que tenho. Vamos ser otimistas, vamos pressionar onde podemos, vamos correr atrás. Que um dia, e eu não tenho a mínima ideia de quando será, a cura vai chegar!

Bjinhus

Unknown

Tenho mania de escrever e de ver sempre o lado bom das coisas. Com diabetes desde 2010, acredito que uma vida controlada e divertida é possível sim. Jornalista, creio que posso ajudar os outros a acreditar também. Que saber mais sobre mim? Clica aqui!

3 comentários:

  1. hahaha...diabetes uma CAUDA perdida...rsrs...será? hehehe...

    agora falando sério (hehehe)... eu tb não me apego a essa questão não! que venha logo para o bem geral da nação...mas como vi escrito num blog " A Diabetes não tem cura.É uma doença crónica.Doença crónica requer cuidados até à morte. Mas não se apoquente: a vida também é uma doença crónica que exige cuidados até à nossa morte..." Rubem Alves.
    Bj!

    ResponderExcluir
  2. Kkkkkk, nem tinha reparado... foi só porque o s e o d ficam um do lado do outro... hahahahaha

    Eu tb já tinha visto essa frase, é simplesmente perfeita!!!

    ResponderExcluir
  3. Não sei se o local aqui é adequado, mas comprei uma caneta de insulina ótima e diferente. A gente abastece a seringa e coloca a seringa dentro da caneta que dispara a agulha e injeta ao mesmo tempo. Muito prática pra quem tem pavor, medo ou desconforto com a agulha e a picada. Eles colocaram um filme no YouTube que mostra como funciona. Vale a pena ver e divulgar. http://www.youtube.com/watch?v=SSWzOiViPPw
    Parabéns pelo blog.

    ResponderExcluir