A diabetes vai indo bem e aí muda a rotina..

Esse post poderia ser super extenso... Minha vida está se transformando... Eu, que sempre fui noturna, agora tenho que acordar às 5h30 para trabalhar. Mas antes de chegar a essa grande mudança resolvi falar sobre um dia específico de mudança de rotina...

Um dos novos clientes com quem eu estou trabalhando é de Campinas. E há duas semanas tive que ir para lá para uma reunião.

Minha rotina sempre foi mais ou menos assim:

* Acordar às 10h30
* Tomar café e a insulina da manhã (25 un de NPH) às 11h30
* Entrar no trabalho às 13h
* Almoçar às 14h30
* Lanche às 18h
* Insulina da noite (10 un de NPH) às 21h
* Frutinha na saída do trabalho às 22h
* Jantar às 23h30

Tudo sempre foi mais ou menos assim, com algumas alterações aqui e acolá. Mas a reunião foi marcada para às 15h... Em Campinas.

Para isso, teríamos que sair de São Paulo às 13h. Chegar lá às 15h. Sair de lá às 16h30 (mais ou menos) e chegar em São Paulo umas 19h. E aí? O que você faria? Como organizaria o seu dia diante de tantas mudanças?

Eu sempre me perco. Calculo carboidratos, como menos, tomo menos insulina e por aí vai. Nesse dia mantive a rotina da manhã, mas só tomei 10 un de NPH. Lá na reunião rolou um café com bolachinhas. Comi. Na volta pra Sampa medi e estava 113. Comi um lanche natural e tomei um suco. Das 21h em diante foi tudo igual.

Não tive hiper, nem hipo. Mas também comi muito pouco. Não foi a primeira e nem será a última vez em que terei que lidar, mas a gente vai aprendendo.

rotina, diabetes, cotidiano, dia a dia


E ainda essa semana tive uma boa notícia, o Grupo de Jovens Maiores de 16 Anos da ADJ, que acontece no próximo sábado às 14h, vai debater justamente isso: como lidar com as mudanças de rotina. Lógico que adorei o tema e estou ansiosa para participar.

Mas esse aqui é só um episódio inicial. Em breve conto pra vocês como está sendo sair da rotina acima para uma que começa às 5h30 e termina às 23h30 da noite. Está sendo difícil, mas sei que será só uma fase!

Bjinhus e até a próxima!

Unknown

Tenho mania de escrever e de ver sempre o lado bom das coisas. Com diabetes desde 2010, acredito que uma vida controlada e divertida é possível sim. Jornalista, creio que posso ajudar os outros a acreditar também. Que saber mais sobre mim? Clica aqui!

Nenhum comentário:

Postar um comentário