A fila no posto para pegar os insumos...

irritação, fila, insumos, diabetes, conversa, ignorância- "Na minha família tem quatro diabéticos, dois já estão cegos"
- "O único jeito de emagrecer é com cirurgia bariátrica"
- "Ah, as glicemias do meu marido são sempre 400, 500... Normal..."
- "A diabetes é traiçoeira, parece que você está se tratando, mas na verdade ela está te destruindo por dentro"
- "A. diabetes do meu marido é psicológica, só sobe quando ele está nervoso, ele toma os remédios direitinho, mas não faz dieta nem exercício físico e ela sempre fica alta"

Quando eu mudei de posto, há uns quatro meses, fui informada que teria que participar de reuniões mensais para poder pegar os insumos. Logo me perguntei o que seriam essas reuniões: conscientização? Dicas? O que?

Me dividi entre a esperança de estarem iniciando no posto um trabalho de conscientização do tratamento da diabetes e uma reunião inútil. Adivinhem minha conclusão???

Logo na primeira "reunião" veio minha decepção. Não tem reunião. É apenas uma fila para falar com uma enfermeira que agenda a data para a retirada no próximo mês, preenche a ficha com o que você vai receber e pede para você assinar. Você levanta e sai.

Mas o que mais me indigna é o lado de fora, a fila! As pessoas da fila e a "ignorância" delas. É quase meia hora ouvindo lamentações, falta de conhecimento e mais lamentações.

Quem não sabe nada sai de lá achando que vai ficar cego ou morrer amanhã. As pessoas passam um conhecimento errado de uma para a outra sem nem questionar se é aquilo mesmo.

É triste ver e tentar discordar é pior ainda. Na segunda "reunião" medi a minha glicemia na fila porque bateu com a pós-prandial do almoço. Deu 118. Uma mulher olhou o resultado (sem minha autorização) e comentou: nossa, a sua é baixinha, né? E eu sem paciência respondi: baixinha não, certa; porque eu meço sempre, tomos todos os medicamentos, cuido da alimentação e faço academia.

Por que é isso que é importante as pessoas entenderem. A diabetes não é má, não faz nada mal, não é a diabinha, depende da pessoa saber lidar, saber controlar, entender que não basta só tomar o remédio, tem que se cuidar de verdade! E parar de lamentar, porque diabetes não limita! Pelo a diabetes não ME limita!

Limita você?

Até a próxima!

Unknown

Tenho mania de escrever e de ver sempre o lado bom das coisas. Com diabetes desde 2010, acredito que uma vida controlada e divertida é possível sim. Jornalista, creio que posso ajudar os outros a acreditar também. Que saber mais sobre mim? Clica aqui!

Nenhum comentário:

Postar um comentário