#DMD2015: Com diabetes e... VIVENDO!

Minha história com a diabetes começou em 2010, quando voltando de um mochilão pelo Uruguai e pela Argentina eu fui diagnosticada com a doença. Num primeiro momento senti raiva e muito medo, mas depois fui atrás da informação, fui atrás de descobrir o que era aquilo e como sobreviver.

Eu não aceitava a ideia de que ficaria cega, perderia um perna ou morreria cedo.. Os papos no estilo 'conheço alguém que tinha e aconteceu tal coisa' não poderiam me fazer desistir. Eu não acreditava que eu não podia fazer nada.

E com as informações que eu consegui eu vi que a diabetes não era um bicho de sete cabeças, que eu poderia sim continuar a fazer muitas das coisas que eu amo. Que eu poderia ter uma vida 'normal'. Aprendi sobre contagem de carboidratos, sobre as melhores maneiras de aplicar a insulina ou ainda o que fazer em hipos e hipers.

E fui passando tudo que aprendi e ainda aprendo no meu blog, por acreditar que todos merecem a mesma oportunidade de conviver bem com essa doença. É claro, que nem todos os dias são fáceis, mas é importante saber sempre que o esforço vale muito mais que o resultado.

A diabetes melhorou muito o jeito como vejo a vida, o jeito como me cuido. E agora sim eu acredito que posso viver 100 anos, um dia de cada vez!

Unknown

Tenho mania de escrever e de ver sempre o lado bom das coisas. Com diabetes desde 2010, acredito que uma vida controlada e divertida é possível sim. Jornalista, creio que posso ajudar os outros a acreditar também. Que saber mais sobre mim? Clica aqui!

Nenhum comentário:

Postar um comentário