No ranking da sua felicidade, onde está a sua saúde?

A Abbott lançou uma pesquisa inédita que mediu a felicidade do brasileiro, ou melhor, o que é importante para a gente quando o assunto é ser feliz. A pesquisa ouviu mais de 5 mil pessoas em todo o país, homens e mulheres com mais de 20 anos. E os dados relacionados à saúde são bem interessantes.

Segundo a pesquisa, a saúde é o terceiro aspecto mais importante para uma vida plena.  Vem atrás apenas do convívio familiar e da espiritualidade. Para 56% dos brasileiros, ter saúde é realmente uma condição essencial para a vida completa, contra 44% dos brasileiros que a colocam em segundo plano.

Para grande parte dos brasileiros (74%) envelhecer de modo saudável é uma condição realmente muito relevante para a vida plena. Além disso, a pesquisa também trouxe os aspectos que, na visão do brasileiro, mais dificultam a melhora da saúde. Vencer o sedentarismo vem na frente (53%), seguido do estresse (46%), da falta de preparo físico (44%) e da obesidade ou sobrepeso (43%). Somente 23% dos brasileiros afirmaram ter boa saúde hoje.

E tem mais, conquistar a saúde plena é a segunda meta mais importante do brasileiro para o futuro próximo – 61% dos brasileiros tem esse objetivo para os próximos 5 anos.

E pra você? Onde está sua saúde nas suas metas? E até que ponto ser saudável interfere nas suas felicidade?

Eu acredito muito que só com uma vida de qualidade podemos lutar diariamente para realizar os nossos sonhos. Como conseguir comprar aquele carrão sem saúde para trabalhar e ganhar dinheiro? Como passar o dia correndo atrás dos filhos ou dos netos sem ter preparo físico? Como fazer aquela baita viagem pela Europa tendo que gastar dinheiro com remédio?

Para mim, saúde vem em primeiro lugar. Sem ela os meus sonhos só vão se afastar de mim. Por isso que eu batalho diariamente para ser o mais saudável possível, para me cuidar de uma maneira cada vez melhor. E eu vou realizá-los! Um por um! E você?

Unknown

Tenho mania de escrever e de ver sempre o lado bom das coisas. Com diabetes desde 2010, acredito que uma vida controlada e divertida é possível sim. Jornalista, creio que posso ajudar os outros a acreditar também. Que saber mais sobre mim? Clica aqui!

Nenhum comentário:

Postar um comentário