#DiabetesLa: Nem só com endocrinologista se cuida da diabetes


Certa vez comentei que tinha que marcar alguns médicos para alguns check ups. A pessoa com quem eu conversava disse que eu era muito nova para me preocupar com exames de rotina e eu disse: eu tenho diabetes e tenho que estar atenta a todos os detalhes.

E é bem isso mesmo. Quem tem diabetes não tem só que ir no endocrinologista. Esse, de longe, é o médico mais importante, mas tem outros tão importantes quanto! É preciso ter uma equipe multidisciplinar!

1. Nutricionista: Não basta saber que remédios tomar, quantas unidades de insulina e etc, é preciso ter um plano alimentar individualizado que entenda a sua rotina. Por isso, é importante passar com uma nutri com a mesma frequência com que você vai no endocrino, ou seja, a cada três meses.

2. Dentista: A sua saúde bucal pode interferir e muito nas suas glicemias e vice versa. Por isso, é importante ir no dentista a cada seis meses para ver se está tudo ok. Glicemias descontroladas facilitam o desenvolvimento de doenças bucais como a gengivite, por exemplo. Por outro lado, esse tipo de inflamação, assim como qualquer inflamação, acaba aumentando a glicemia. Resumindo, vira um ciclo: gengivite aumenta a glicemia que piora a inflamação da gengiva. Se não tratar, o paciente pode até perder os dentes. Por isso, é sempre bom estar em dia com o dentista.

3. Oftalmologista: Quem tem diabetes, tendo ela fora do controle, pode acabar acumulando resíduos das glicemias altas (glicose) nas pequenas veias dos olhos. Ao longo do tempo, esse excesso pode causar problemas oftalmológicos, levando até a cegueira. A melhor maneira de se cuidar é ir no oftalmo pelo menos uma vez por ano fazer o exame de fundo de olho. É chatinho sim, tem que dilatar, mas nada como um diagnóstico precoce para que virar o jogo seja mais fácil. Então, não ignore e visite seu oftalmo com frequência.

4. Podólogo: Quem nunca ouviu falar de pé diabético, amputação, etc??? Acho que a primeira coisa quando descobrimos que temos diabetes é ouvir histórias sobre isso. Então nada mais normal que você dê toda a atenção aos pés. Por isso, vale a pena sim trocar aquela pedicure que vez ou outra acaba arrancando um bife por um podólogo treinado que tem instrumentos e estudo específicos para cuidar de pés de pessoas com diabetes. A ida uma vez ao mês já é suficiente para mantê-los bonitos e bem cuidados.

5. Cardiologista: Todas as pessoas com diabetes tem mais tendências a ter doenças cardiológicas. Infartos correspondem por um grande número de mortes de pessoas com diabetes. Então lembre-se sempre de marcar uma consulta e fazer um check up. Esse mesmo da ergométrica que você está imaginando! Rs.

6. Angiologista: Esse é outro da turma que é bom ir uma vez ao ano. Ele analisa todos os seus nervinhos e veias. Então se algo foi afetado pela glicemia no sangue ele vai saber e vai te alertar antes que algo mais grave aconteça.

Eu colocaria esses como os principais e são os que eu hoje tenho lembretes para agendar, me consultar e fazer os exames. Mas ainda há outros que também são importantes como psicólogo (eu fui muito no começo para aprender a lidar com essa nova condição), educador físico (para aqueles que assim como eu resolveram se tornar corredores) e enfermeiro (para ensinar técnicas de aplicação entre outras coisas importantes).

A fase em que precisamos de cada um deles e a frequência com que teremos que ir variam de pessoa para pessoa. Hoje não vou mais na psicóloga e troquei o educador físico pelo instrutor da academia. Isso porque acredito que já aprendi o que tinha que aprender com eles. Mas deixo sempre em aberto caso sinta a necessidade de um apoio.

É claro que eu sei que no Brasil muitos dependem do SUS e que ter acesso a tudo isso não é fácil. Mas de qualquer maneira é importante saber o que você precisa, só assim você tem como bater toda a semana no lugar onde você é tratado pedindo um tratamento ideal para você. Não desista!

Mas me digam vocês, quem forma a sua equipe multidisciplinar no seu tratamento da diabetes?? Conte aqui nos comentários.

Leia mais sobre o que o coletivo DiabetesLA postou sobre o assunto, você vai adorar (em espanhol):

Mariana Gómez
http://www.dulcesitosparami.com/2016/05/puedo-ser-parte-de-su-equipo-de-como-el.html

Mila Ferrer
http://jaime-dulceguerrero.com/equipo-diabetes-conocelos/

Paulina Gomez
http://paudulcemadre.blogspot.mx/2016/05/no-solo-de-endocrinologo-vive-la.html

Claudia Longo
http://diabariloche.blogspot.com.ar/2016/05/hay-equipo-es-diabetes-bariloche.html

Nora Ortega
http://www.midulcevida.mx/diabetesla/mi-equipo-multidisciplinario-para-la-diabetes/

Tanya Hernández
http://sugarfreekidspr.org/nuestro-equipo-es-diferente-sfkfamily/

Carolina Zárate
https://blogdiabeticotipo1.blogspot.com.co/2016/05/los-botones-para-jugar-la-diabetes.html

Melissa
https://conextradeazucar.wordpress.com/2016/05/19/mi-sistema-de-apoyo-mi-equipo-multidisciplinario/

Luana Alves

Tenho mania de escrever e de ver sempre o lado bom das coisas. Com diabetes desde 2010, acredito que uma vida controlada e divertida é possível sim. Jornalista, creio que posso ajudar os outros a acreditar também. Que saber mais sobre mim? Clica aqui!

Nenhum comentário:

Postar um comentário