#DomandoaDiabetes: 9 maneiras de lidar com o Burnout

burnout, diabetes, domando a diabetes, lidar, dicar


No último post do Domando a Diabetes eu falei sobre o que é e quais são principais sintomas do Diabetes Burnout! Hoje é dia de dar dicas de como combater isso e dar a volta por cima!

Saiba identificar os sinais


As glicemias desandaram, a glicada subiu, engordou, está desanimado e sem vontade de fazer as coisas? Isso tudo é sinal de que você pode estar em um momento burnout. Só perceber tudo isso, mesmo que você ainda não esteja pronto para fazer algo, já é um grande salto e uma maneira de lidar.

Relembre suas metas


Você trabalhou tanto e por tanto tempo. Não vale a pena querer jogar todo o seu esforço fora agora, certo? Tudo o que você fez até aqui foi para ter uma vida longa e saudável, sem complicações. Lembrar disso pode te ajudar a se sentir menos sobrecarregado.

Desconecte!


Não da sua bomba de insulina, é claro. Mas das coisas relacionadas à diabetes como páginas de diabetes, instas, revistas. Ler como os outros estão indo bem ou ainda tudo relacionado à doença pode te deixar mais deprimido. Então que tal ler aquele livro do Harry Potter que está há um tempão parado? Vale Senhor dos Anéis também... rs

Escreva ou fale sobre isso


Vale a mãe, a tia, os amigos DMs ou não, um caderninho. Não guarde para si qualquer sentimento, bote ele pra fora. Botar o que estamos sentindo em palavras te ajuda a ver o macro e assim enfrentar esse esgotamento pode se tornar um pouco mais fácil.

Respire fundo


Literalmente. Naquelas horas em que parece que não temos mais forças ou fôlego para continuar lutando, vale e muito parar e respirar três vezes profundamente. Um exercício de respiração que uso muito é o 4 - 7 - 8, inspira em quatro tempos, segura sete tempos e solta em oito tempos. Faça quatro vezes e depois me diga se não é renovador!

Saia da rotina


Sim, eu sei que já disse aqui que a rotina é importante para manter um bom tratamento da diabetes. Mas quando eu digo saia da rotina, significa comer em um lugar diferente, andar por outros lugares, fazer uma aula nova da academia, sair pra dançar. Fazer sempre as mesmas coisas pode te aborrecer ainda mais. Novidade sempre oxigena e ajuda em tudo!

Aprenda a dizer não


Quando se está esgotado, qualquer atividade a mais pode ser o que vai nos derrubar com poucas chances de recuperação. Vale entender que talvez aquele novo trabalho não seja para ser aceito agora. Dizer não não é uma sentença e você pode ser sincero, dizer que precisa se dedicar a outra coisa e aceitar isso num momento mais oportuno.

Identifique o que dá e o que não dá pra mudar


É preciso entender como reagimos a cada uma das coisas que passamos ou sentimos quando o assunto é diabetes. Entenda os seus sentimentos, e mais, saiba quais são os seus limites. Não tente ultrapassá-los a qualquer custo. É importante definir metas realísticas, dando um passo de cada vez. Comece buscando glicemias aceitáveis e não perfeitas e divida tarefas maiores em menores. Vá aos poucos, priorizando uma coisa de cada vez. Faça uma lista se for preciso e estabeleça uma rotina.

Aceite seus sentimentos


Está se sentindo triste, sobrecarregado, estressado, desorientado e sozinho? Quer sentar e chorar? Senta e chora! Como diz a música "chora, que chorar faz bem".

Faz sentido sentir-se esgotado! Se você tentar lutar contra esse sentimento - se você se sentir mal por se sentir mal - você só se sentirá pior. Há momentos em que é útil dar um giro positivo no diabetes (por exemplo, pensar coisas como: "O diabetes me faz comer mais saudável!"). Mas também há momentos em que é útil reconhecer que você tem uma doença excruciante e exaustiva. Na verdade, acho que é essencial fazer isso de vez em quando - porque quando você diz a si mesmo coisas que significam “não é tão grande coisa”, você não está respeitando a parte de si mesmo que trabalha muito, todos os dias, para cuidar do seu diabetes. Não há problema em se sentir cansado. Não há problema em sentir raiva. Tudo bem chorar. Embora pareça contra-intuitivo, é provável que, se você se permitir se sentir mal com o diabetes de vez em quando, você se sinta melhor. (ASweetLife)

Esse vídeo aqui da comunidade Diabetes.co.uk é bem legal e simplifica algumas dessas sugestões. Vale a pena ver!


Espero que tenham gostado!

Fontes:
https://www.diabetes.co.uk/emotions/diabetes-burnout.html
https://www.youtube.com/watch?v=iL6FiC7OJUs#action=share
https://www.medtronicdiabetes.com/loop-blog/4-tips-help-avoid-diabetes-burnout/
https://healthguides.healthgrades.com/eating-with-diabetes/4-secrets-to-avoid-diabetes-burnout
https://www.everydayhealth.com/hs/managing-type-1-diabetes/avoid-diabetes-burnout/
https://asweetlife.org/7-ways-to-cope-with-diabetes-burnout/
http://www.diabetesforecast.org/2014/08-aug/5-ways-to-avoid-diabetes.html

Unknown

Tenho mania de escrever e de ver sempre o lado bom das coisas. Com diabetes desde 2010, acredito que uma vida controlada e divertida é possível sim. Jornalista, creio que posso ajudar os outros a acreditar também. Que saber mais sobre mim? Clica aqui!

Nenhum comentário:

Postar um comentário