[Temos Voz] O que é advocacy?

temos voz, diabetes, advocacy, direitos


Os posts do Temos Voz vão trazer aqui uma vez por mês a importância de falarmos sobre nossas necessidades e brigarmos pelos nossos direitos. E para começar vamos destrinchar um pouco o significado de uma palavra que se bobear cai no trivial, mas que tem grande importância nos dias de hoje em que se tem feito tanto ouvir a voz do povo: ADVOCACY!

Mas você sabe o que é advocacy?


O Wikipédia explica de maneira objetiva:

Advocacy é uma prática política levada a cabo por indivíduo, organização ou grupo de pressão, no interior das instituições do sistema político, com a finalidade de influenciar a formulação de políticas e a alocação de recursos públicos.

Mas há explicações ainda mais profundas e abrangentes: 
Advocacy é definido como qualquer ação que fala em favor, ou em defesa, de alguma causa, ou seja, algo ou alguém que dê suporte ou defensa em nome dos outros. 

É assim que defende documento divulgado pela Alliance for Justice, que explica ainda mais. De acordo com o órgão, alguns tipos de atividades de advocacy são:


  • Construir o poder a partir da base, dando aos que mais precisam conhecimento e ferramentas para lutarem por seus direitos;
  • Educar os legisladores, para que esses tomem conhecimento dos problemas enfrentados pela comunidade e assim possam contribuir na luta por melhores políticas públicas;
  • Aproximar as comunidades dos legisladores/ autoridades que as representam;
  • Produzir conteúdo relevante que ajude a comunidade a visualizar de forma mais organizada seus problemas e necessidades;
  • Organizar mobilizações em torno da causa: palestras, passeatas, twitaços, entre outros;
  • Informar e dar ferramentas para que a comunidade participe mais ativamente do debate político e eleitoral, fazendo com que todos sejam mais ativos civicamente;
  • Encorajar as pessoas a votarem conscientemente;
  • Fazer lobby em favor ou contra leis específicas de maneira a beneficiar o maior número de pessoas da comunidade.


Mas você deve estar lendo isso e pensando que é coisa demais para fazer. E é! Mas não significa que todos tenhamos que fazer tudo, mas podemos cada um fazer um pouco.

As pessoas com diabetes são mais de 10% do total da população no Brasil e mesmo com todo esse potencial de luta ainda temos a disposição apenas insulinas ultrapassadas. Agora, depois de anos, conseguimos a batalha de inserir as análogas e mesmo assim o governo demora, enrola e dá desculpas esfarrapadas para algo que já deveria estar sendo distribuído.

Mas cada um de nós tem voz e pode fazer algo. Nem que seja um simples post nas redes sociais, espalhar uma hashtag ou organizar uma passeata. Tudo é válido e abre os olhos do governo para as nossas necessidades e lutas.

Aqui no blog temos o Mapa do Descaso Diabetes Brasil, uma ferramenta online que busca divulgar os órgãos oficiais para que as pessoas reclamem diretamente ao governo sobre os seus problemas. Ainda não conhece? Clique aqui e saiba mais!

Faça parte! Faça algo mesmo que pequeno! Apenas faça!

Fonte: https://mffh.org/wordpress/wp-content/uploads/2016/04/AFJ_what-is-advocacy.pdf

Unknown

Tenho mania de escrever e de ver sempre o lado bom das coisas. Com diabetes desde 2010, acredito que uma vida controlada e divertida é possível sim. Jornalista, creio que posso ajudar os outros a acreditar também. Que saber mais sobre mim? Clica aqui!

Nenhum comentário:

Postar um comentário