#DiabetesLA: Você conhece os sintomas da diabetes tipo 1?

Aos 27 anos, coisas estranhas começaram a acontecer. Primeiro comecei a perder peso, uma média de 1 a 2 quilos por mês. Depois comecei a beber muita água, muita água mesmo. O que é claro começou a me dar muita vontade de fazer xixi, eu ia ao banheiro cerca de quatro vezes só durante a noite.

Em seguida vieram as câimbras e a perda de peso se tornou mais gritante. Em cinco, seis meses, eu perdi 14 quilos. 14! E mais, comia muito, uma fome sem fim. E muito sono, uma preguiça infinita.

Quando a coisa chegou no limite, eu tinha uma consulta com a ginecologista que logo desconfiou e pediu o exame de glicemia jejum para o diagnóstico de diabetes. O resultado: glicemia de 293, quando o normal era dar no máximo 99.

Eu nunca, jamais imaginaria que estava com diabetes! Simplesmente porque eu desconhecia tudo relacionado a doença.

Por isso que a galera do DiabetesLA se junta novamente para educar e falar um pouco sobre os sintomas da diabetes. Os principais são:

Urina frequente, perda de peso, pouca energia (cansaço) e sede excessiva
Imagem: IDF
Mas ir muito ao banheiro, perder peso, se sentir cansado e beber muita água são só os principais e os sintomas variam de pessoa para a pessoa. Fique atento também a:

  • Fome excessiva
  • Falta de interesse e de concentração
  • Câimbras
  • Formigamento e dormência nos pés ou nas mãos
  • Visão embaçada
  • Infecções frequentes
  • Demora na cura de feridas
  • Vômitos e dor de estômago

Diante da combinação de qualquer um desses sintomas, procure um médico e peça um exame de glicemia jejum. Normalmente, o valor dá no máximo 99 mg/dL, mais do que isso procure um endocrinologista rapidamente. O diagnóstico precoce é muito importante e descobrir logo só vai te ajudar a lidar melhor com essa nova realidade.

O mais importante a se falar aqui é que como a causa da diabetes tipo 1 é bem diferente da do tipo 2, erra-se muito no momento do diagnóstico.

Enquanto o tipo 1 normalmente é magro, criança ou adolescente, o tipo 2 costuma ter mais de 40 anos, ter sobrepeso e ser sedentário. Mas isso não é regra! Lembre-se: eu tinha 27 anos e era magra. Um pouco de cada coisa e desenvolvi diabetes tipo 1. Qualquer pessoa pode ter diabetes, então vendo essa combinação de sintomas peça o exame de glicemia, mesmo que seja só para descartar a possibilidade!

Nesse post aqui falei mais sobre o que fazer quando descobrir que se está com diabetes. Pode ser muito útil. E fique tranquilo! Diabetes não é sentença de morte! Dá sim pra ter uma vida normal e continuar realizando todos os sonhos! :)

Unknown

Tenho mania de escrever e de ver sempre o lado bom das coisas. Com diabetes desde 2010, acredito que uma vida controlada e divertida é possível sim. Jornalista, creio que posso ajudar os outros a acreditar também. Que saber mais sobre mim? Clica aqui!

Um comentário: